PROBLEMAS LOCOMOTORES EM FRANGOS DE CORTE - REVISÃO. / LOCOMOTOR PROBLEMS IN BROILER CHICKENS - A REVIEW.

IBIARA CORREIA DE LIMA ALMEIDA PAZ

Resumo


O bem estar animal é, sem dúvida, um dos pontos em que os produtores de aves devem se atentar para conseguir melhor rentabilidade e colocação no mercado externo. No entanto, é necessário ter uma ampla idéia de que alguns pontos impostos por mercados importadores, muitas vezes não tem fundamento científico e tratam-se mais de barreiras não tarifárias que de problemas de produção propriamente ditos. Dentre os vários fatores que afetam o bem estar animal pode-se destacar a incidência de problemas locomotores, principalmente em animais confinados. Estes distúrbios podem acarretar em perdas de até 6% em lotes comercias de frangos de corte, além de outras perdas não mensuráveis em linhas de abate, por fraturas e hematomas. Existem diversas metodologias para diagnosticar problemas locomotores, entretanto, a mais difundida na indústria avícola é o Gait Score, por sua facilidade de aplicação e por englobar os diferentes tipos de problemas locomotores. Sabe-se, contudo que esta metodologia é bastante subjetiva e pode inferir  em  diferentes  níveis  de  avaliação  dependendo  do método  utilizado. Os  problemas locomotores devem ser prevenidos já que depois de estabelecidos as perdas são inevitáveis.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18011/bioeng2008v2n3p263-272

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


BIOENG, UNESP, Tupã, SP, Brasil. e-ISSN: 2359-6724

 Licença Creative Commons

A Revista Brasileira de Engenharia de Biossistemas está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.