UNIFORMIDADE DE UM SISTEMA DE IRRIGAÇÃO POR GOTEJAMENTO SOB DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE ÁGUA RESIDUÁRIA TRATADA POR RADIAÇÃO SOLAR

M. A. L. Sales, R. M. Sánchez-Román

Resumo


A utilização de água residuária na agricultura é uma alternativa viável para a sustentabilidade ambiental no meio agrícola, no entanto, ainda são necessários diversos estudos sobre a reutilização desta água. Deste modo, este trabalho teve por objetivo avaliar a influência de água residuária doméstica tratada por radiação solar (ARD-TRS) na uniformidade do sistema de irrigação. O experimento foi conduzido no Departamento de Engenharia Rural da FCA/UNESP, Botucatu-SP, no qual adotou o delineamento estatístico casualizado com cinco repetições e cinco tratamentos, 0, 25, 50, 75 e 100% de ARD-TRS na lâmina total de irrigação, completando os tratamentos com respectivamente 100, 75, 50, 25 e 0% de água de abastecimento da FCA (AAF). O sistema de irrigação apresentou uma redução nos coeficientes de uniformidade, no entanto, ainda ficaram próximos a 90%, e após a lavagem das mangueiras gotejadoras com solução de cloro livre na concentração de 50 mg L-1, os valores ficaram próximos ao da uniformidade inicial do sistema. Permitindo concluir que, ARD-TRS diminui a uniformidade do sistema de irrigação, porém reversível após a lavagem da fita gotejadora.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18011/bioeng2019v13n4p301-311

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


BIOENG, UNESP, Tupã, SP, Brasil. e-ISSN: 2359-6724

 Licença Creative Commons

A Revista Brasileira de Engenharia de Biossistemas está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.