MODELAGEM DO FLUXO DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS EM ÁREA DE CONSERVAÇÃO NO SUDOESTE PAULISTA

M. P. M. A. Pinheiro, R. L. Manzione

Resumo


Este trabalho foi desenvolvido para fornecer um conhecimento específico sobre o comportamento hidrogeológico da área da Estação Ecológica de Avaré (EEcAv), especialmente sobre a dinâmica do fluxo da água subterrânea, mostrando a importância da preservação das áreas de conservação ambiental do Estado de São Paulo para segurança hídirca. A área de estudo, está localizada no município de Avaré/SP, ocupa uma extensão territorial de aproximadamente 720 hectares. Para este estudo, foram utilizados: um modelo digital de terreno SRTM (Shuttle Radar Topography Mission) com resolução de 30 metros; e os seguintes softwares, para subsidiar a análise: QGIS, SAGA e MapWindow (extensão TauDEM). Com a ajuda dessas ferramentas, foi possível modelar o fluxo de água subterrânea estimando a Direção do Fluxo, Fluxo Acumulado e Índice de Umidade Topográfica (ITU) da área. Com os resultados obtidos, verificou-se que o fluxo subterrâneo da EEcAv está direcionado para os locais com maior umidade, ou seja, os rios Novo e Pardo; e também mostra que a estação está situada entre corredores hídricos reforçando sua importância ambiental.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18011/bioeng2019v13n3p222-236

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


BIOENG, UNESP, Tupã, SP, Brasil. e-ISSN: 2359-6724

 Licença Creative Commons

A Revista Brasileira de Engenharia de Biossistemas está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.