A INFLUÊNCIA DE DESSECANTE NA QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE SOJA / INFLUENCE OF THE APPLICATION OF DESICCATION IN THE PHYSIOLOGICAL QUALITY OF SOYBEAN SEEDS

F. L. Santos, F. Bertacine, J. S. Souza, I. Simões, J. W. Bossolani, M. E. Sá

Resumo


O Brasil é o segundo maior produtor de soja no mundo, onde cada vez mais tem-se exigido maiores quantidades e qualidade desta leguminosa. A aplicação de dessecantes que permite a antecipação da colheita em áreas de produção de sementes, tem sido utilizado para minimizar perdas de qualidade. Sedo assim, o objetivo deste trabalho foi analisar a influência da aplicação de dessecante em campos de produção de sementes de soja. O experimento foi conduzido em Delineamento Experimental Inteiramente Casualizado (DIC) disposto em esquema fatorial (4x2) com 4 repetições. Os tratamentos foram constituídos por quatro cultivares de soja: CD 2728 IPRO, SYN 1366C IPRO, BRS 7380 IPRO, BRS 7470 RR com e sem a aplicação de dessecante. Foram realizados os testes de germinação, envelhecimento acelerado, índice de velocidade de germinação, condutividade elétrica, classificação de vigor de plântulas, infestação de fungos na germinação e massa seca de plântulas. A utilização do dessecante influenciou negativamente a qualidade fisiológica de sementes de soja, com exceção do cultivar BRS 7380 RR.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18011/bioeng2018v12n1p68-76

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


BIOENG, UNESP, Tupã, SP, Brasil. e-ISSN: 2359-6724

 Licença Creative Commons

A Revista Brasileira de Engenharia de Biossistemas está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.