FLORÍSTICA E ESTRUTURA EM ÁREA DE FLORESTA ESTACIONAL DECIDUAL NA REGIÃO DO ALTO URUGUAI, RS / FLORISTIC AND STRUCTURE IN AREA OF SEASONAL DECIDUOUS FOREST IN THE REGION OF THE ALTO URUGUAI, RS

F. R. Lambrecht, J. P. Dallabrida, J. W. Trautenmüller, L. de Carli, M. R. B. Burgin, F. de O. Fortes

Resumo


          O trabalho teve como objetivos realizar a análise florística das estruturas horizontal e vertical em um fragmento de Floresta Estacional Decidual (FED) na região do Alto Uruguai, em Frederico Westphalen, RS, Brasil. Foi realizado um censo em uma área amostral de 10.000 m², subdividida em 100 subparcelas de 10x10 m. Realizou-se a mensuração e a identificação de todos os indivíduos de espécies arbóreas com circunferência a altura do peito (CAP)≥ 31,4cm. Com os dados obtidos, foram realizados cálculos de densidade (D), frequência (F), dominância (Do), índice de valor de importância (IVI), índice de valor de cobertura (IVC) e a estratificação dos indivíduos. O maior número de espécies concentrou-se na família Fabaceae (10) e o maior número de indivíduos na família Meliaceae (147 ou 25,3%). Trichilia claussenii C. DC. Nectandra megapotamica (Spreng.) Mez, Achatocarpus praecox Griseb. e Eugenia rostrifolia D. Legrand representaram 38,28% da densidade relativa e Holocalyx balansae Micheli, Trichilia claussenii, Nectandra megapotamica, Cordia americana (L.) Gottshling & J.E.Mill., Phytolacca dioica  L., Achatocarpus praecox, e Eugenia rostrifolia representaram 50,5% da dominância relativa. Considerando a estrutura vertical, as sete espécies mais frequentes apresentaram uma maior quantidade de indivíduos no estrato médio. Conclui-se que a área florestal encontra-se em estágio intermediário de sucessão.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18011/bioeng2016v10n2p198-209

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


BIOENG, UNESP, Tupã, SP, Brasil. e-ISSN: 2359-6724

 Licença Creative Commons

A Revista Brasileira de Engenharia de Biossistemas está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.